Santa Marta do Parque Tayrona

⦾≈ We stayed two days in Santa Marta to get to know the Tayrona Park, an indigenous natural reserve a.k.a. a jungle full of awesome beaches. We took a buseta in El Mercado, downtown. The journey takes about 40 minutes. We stayed in Cabo San Juan (the busiest beach, actually) and we couldn’t book hammocks on top of the beach stone, the coolest place to sleep at night. That’s because to get to San Juan it takes a two hour trek and we stopped in the previous beaches, Cañaveral, Arrecife and La Piscina. In addition to these beaches we went through, there are many other to visit, and also archaeological reserves and indigenous reservations.


Ficamos mais dois dias em Santa Marta para conhecer o Parque Tayrona, uma reserva natural indígena muito verde, cheia de praias paradisíacas. Para ir, pegamos uma buseta no El Mercado, no centro da cidade. O trajeto demora mais ou menos 40 minutos e passa por uma estrada toda enfeitada com viveiros de plantas e casinhas simples.

Parque Tayrona

Parque Tayrona

Parque Tayrona

Parque Tayrona

Bom, chegamos lá e já ficamos bem felizes em não precisar pagar 39 mil pesos (mais ou menos R$ 45) de entrada do parque. O combo carteira de estudante e idade até 26 anos, faz o valor da entrada sair oito mil pesos. Comemoramos a juventude.

Entramos e percorremos a pé os cinco quilômetros de estrada até o início das trilhas, que levam às praias. É possível pagar dois mil pesos para ir de van, mas preferimos economizar. Arrependimento. A estrada é longa e isso faz com que se chegue cansado na trilha inicial. Mas, valeu pelas mangas no caminho, nosso almoço.

Parque Tayrona

Parque Tayrona

Parque Tayrona

Parque Tayrona

Parque Tayrona

Chegamos tarde no Cabo San Juan (a praia mais movimentada) e não conseguimos reservar redes para dormir no alto da pedra da praia. Isso porque até chegar, que leva duas horas de trilha, paramos nas praias anteriores, a Cañaveral, Arrecife e La Piscina. O jeito foi alugar uma barraca, já que queríamos dormir dentro da reserva.

Além dessas praias que percorremos, há muitas outras para visitar, e também reservas arqueológicas e aldeias indígenas. Mas, não foi possível ver tudo. Como levamos pouco dinheiro para lá e seria preciso mais dias para conhecer tudo, decidimos voltar para Santa Marta.

Anúncios

5 comentários sobre “Santa Marta do Parque Tayrona

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s